segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Nostalgia

Bateu uma saudade das ruas frias, do aperto, da solidão de Paris. Mas agora tudo parece melhor do que foi. Ah o tempo!

Bateu uma saudade da solidão dos dias em Oxford, das viagens de ônibus ouvindo Sufjan Stevens.

Deu saudade do final de outono ao som de Vampire Weekend e Phoenix.


Nenhum comentário: